FOTOGRAFIAS

AS FOTOS DOS EVENTOS PODERÃO SER APRECIADAS NO FACEBOOCK DA REVISTA.
FACEBOOK: CULTURAE.CIDADANIA.1

UMA REVISTA SEM FINS LUCRATIVOS

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Hasbro participa da Comic Con Experience


Robôs gigantes, cosplays de personagens famosos, produtos exclusivose novidades para 2015 são algumas das atrações que a empresa apresentará no evento
 
Famosa por movimentar o universo da cultura pop todos os anos na Comic Con San Diego, a gigante de entretenimento Hasbro participará da Comic Con Experience que será realizada em São Paulo de 4 a 7 de dezembro no Espaço Imigrantes. Com um estande no evento, a empresa promete muitas surpresas para os fãs de cinema, super-heróis e personagens dos quadrinhos.
 
 
Logo na entrada do estande, os visitantes se sentirão no universo de Transformers sendo recebidos por uma estátua de três metros de altura do robô Bumblebee e, ainda no mundo das batalhas entre Autobots e Decepticons, haverá oficinas de desenhos com o ilustrador oficial de Transformers, Marcelo Matere.
Foto: marcelo_matere.jpg 
Atualmente, Marcelo é o único brasileiro que desenha Transformers para a Hasbro Global. É responsável por desenvolver o design dos bonecos e de outros produtos da marca. Na Comic Con Experience, além de ensinar aos participantes a reproduzirem os famosos robôs gigantes, o ilustrador fará um material exclusivo que será sorteado durante o evento. A oficina acontecerá nos dias 5, 6 e 7 dezembro às 14h e às 18h.
Foto: transformers.jpg 
Um espaço especial será montado na Comic Con Experience para receber os gigantes Bumblebee e Optimus Prime. Durante os quatro dias, os robôs que têm quase três metros de altura, são cheios de detalhes e se movimentam de verdade poderão interagir com os fãs da marca.
A Hasbro divulgará ainda a linha 2015 de blocos de montar Kre-O inspirada em Transformers e também exibirá uma wave de figuras de Star Wars que será lançada no ano que vem.
Cosplays das estrelas de Equestria Girls Rainbow Rocks marcarão presença na Comic Con Experience. Agora, as pôneis Twilight Sparkle, Pinkie Pie, Rainbow Dash e Applejack são meninas de verdade. Inspiradas nas personagens e numa batalha de bandas, as cosplays serão modernas e com estilo rockstar. Os famosos cabelos coloridos, ícones das personagens, poderão ser vistos com força total.
Foto: equestria_girl.jpg 
Para fissurados em games, haverá um espaço de Magic the Gathering para trocar experiências e ensinar os participantes a jogar Duels of Planeswalkers.
Além disso, pôsteres exclusivos de Transformers, Marvel, Star Wars e My Little Pony serão distribuídos como brindes para os visitantes do estande.
Para encerrar, uma parceria com a Loja Mundo Geek permitirá que os apaixonados por figuras de ação comprem itens de Transformers, Star Wars, G.I. Joe e Marvel direcionados a colecionadores. Além disso, também haverá a venda exclusiva do personagem Jabba the Hutt criado pela Hasbro para a Comic Con San Diego deste ano. 
Foto: jabba_the_hutt.jpg 

Sobre a HASBRO®
A HASBRO® é uma empresa que proporciona entretenimento às crianças e famílias através de uma ampla gama de produtos distribuídos ao redor do mundo. De brinquedos a jogos, passando por programação de TV, filmes, videogames e uma série de licenciamentos, a HASBRO® promove a melhor experiência de marca para seus clientes por meio de ações estratégicas das suas linhas mais conhecidas e queridas, como: BABY ALIVE®, PLAYSKOOL®, NERF®, MY LITTLE PONY®, TRANSFORMERS® e MONOPOLY®. Saiba mais no site www.hasbro.com ou pelo SAC sac@hasbro.com

Inteligência criadora ou puro acaso?



Café Controverso debate obrigatoriedade do ensino de teoria criacionista nas escolas do país

No início de novembro o deputado federal Marco Feliciano propôs um projeto de lei para a inserção do ensino do criacionismo na grade curricular das redes pública e privada de ensino do país. A proposta, que para entrar em vigor precisa ainda ser votada por deputados, senadores e receber a sanção da presidenta Dilma Roussef, tem provocado debates acirrados. 

Enquanto para o pastor Feliciano a lei visa diminuir a confusão gerada entre as teorias científicas ensinadas nas escolas e as vivências religiosas dos alunos, para muitos dos opositores a sua aprovação colocaria em xeque a confiabilidade da ciência, a liberdade de expressão, a liberdade religiosa e a laicidade do Estado brasileiro. 

Mesmo entre os criacionistas não há consenso: poucos dias após a proposição da lei, a Sociedade Brasileira do Design Inteligente, movimento que também contesta a teoria da evolução por meio da seleção natural, se posicionou publicamente contra sua aprovação.

Para falar sobre o tema o Café Controverso do próximo sábado, 29 de novembro, discutirá "Criacionismo, Evolucionismo e o Design Inteligente". Participam do debate o professor associado no Departamento de Zoologia do Instituto de Biologia da UFMG Mario Alberto Cozzuol e a consultora pedagógica da Kroton Educacional e responsável pela Rede Cristã de Educação Carla Miller. O evento tem início às 11h na cafeteria do Espaço do Conhecimento UFMG, com entrada gratuita. 

Poluição sonora: um barulho em nossas vidas


O Centro de Estudos da ENSP de 19/11 teve a questão da poluição sonora como tema. Para isso recebeu o chefe do Laboratório de Ensaios Acústicos do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Laena/Inmetro), Marco Antonio Nabuco de Araújo, a coordenadora do Serviço de Audiologia do Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana (Cesteh/ENSP), Márcia Soalheiro, e a pesquisadora da Coordenação de Saúde do Trabalhador da Fiocruz, Martha Ribeiro Valle Macedo. Na ocasião, o chefe do Laena explicou que existem diversos tipos de poluição sonora e que o barulho causado por ela está presente na vida de todos. Ele defendeu também que o Estado precisa se posicionar sobre a questão e realizar ações efetivas de enfrentamento.

A coordenadora do Serviço de Audiologia do Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana (Cesteh/ENSP), Márcia Soalheiro, explicou que a poluição é a degradação da qualidade ambiental resultante de atividades que direta ou indiretamente prejudiquem a saúde, a segurança e o bem-estar da população; criem condições adversas às atividades sociais e econômicas; afetem desfavoravelmente a biota e as condições estéticas ou sanitárias do meio ambiente; e lancem matérias ou energia em desacordo com os padrões ambientais estabelecidos. Segundo ela, o ruído é um dos principais problemas ambientais do século XXI sendo objeto de preocupação de importantes organismos como a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Para entender como a poluição sonora pode afetar a saúde, a pesquisadora da Coordenação de Saúde do Trabalhador da Fiocruz, Martha Ribeiro Valle Macedo, destacou que trabalhar em ambiente com muito ruído pode aumentar bastante o risco de ataque cardíaco, além de distúrbios de atenção, de aprendizagem, do sono, acidentes do trabalho, irritabilidade e incômodo. Confira nos links abaixo as apresentações dos expositores na íntegra.

Mumia - Mostra Udigrudi Mundial de Animação integra programação do Espaço do Conhecimento UFMG com debate e exibição de filmes

Exibindo Mumia  na Fachada - Espaço do Conhecimento UFMG.png

De 4 a 18 de dezembro o Espaço do Conhecimento UFMG exibe em sua fachada digital uma série de curtas que integram a 12ª edição da Mumia - Mostra Udigrudi Mundial de Animação. A seleção contempla produções mineiras, de outros estados e internacionais, com filmes de países como Espanha, Portugal, Ucrânia, Estados Unidos e Colômbia. As sessões acontecem às quintas, às 19h30 e às 20h, e às sextas, sábados e domingos às 19h30.
Sávio Leite, criador da Mumia, conta que o convite para que alguns filmes da mostra fossem exibidos na fachada digital do museu partiu do professor da Escola de Belas Artes e coordenador do núcleo de audiovisual do Espaço do Conhecimento UFMG, Maurício Gino. “Foi um convite muito oportuno e fico feliz de podermos realizar essa parceria. Eu vejo a Mumia como uma forma de difundir conhecimento através da animação, e é muito importante levar um pouco da discussão para o Espaço do Conhecimento UFMG, um lugar que é nobre por excelência, com a sua proposta de dialogar com as diferentes formas de saberes”, enfatiza o cineasta.

Além dos filmes, que serão exibidos em sessões alternadas, a programação da Mumia no Espaço do Conhecimento contará também com um debate sobre a linguagem do curta-metragem de animação no país. O Café Controverso com o tema Animação experimental no Brasil, a ser realizado no dia 6 de dezembro, contará com a presença do paulistano Arnaldo Galvão, um dos pioneiros do cinema de animação brasileiro. Ele realizou vários trabalhos, como O Cangaceiro e o Leão (2012) e o premiado Almas em chamas (2000), trabalhou no programa Castelo Rá-Tim-Bum, participou de produções com Maurício de Sousa e foi um dos fundadores da ABCA (Associação Brasileira de Cinema de Animação). Para o professor Maurício Gino, a presença de Galvãoé uma oportunidade de discutir sobre o cenário da produção independente e a própria formação da identidade da animação brasileira. “O momento é muito interessante para a animação no Brasil. Recentemente dois filmes nacionais ganharam o prêmio Cristal na categoria longa-metragem no Festival Internacional do Filme de Animação de Annecy, na França”, conta, referindo-se aos filmes O menino e o mundo, de Alê Abreu, e Uma história de amor e fúria, de Luiz Bolognesi. De acordo com o professor, a animação brasileira apresenta forte influência das produções experimentais do Canadá. “Temos uma relação muito próxima com a animação canadense, que fez escola por aqui. Até hoje as produções brasileiras guardam mais semelhança com as experimentações canadenses do que com a animação da indústria norte-americana”, contextualiza.
 
Confira a programação da Mumia no Espaço do Conhecimento UFMG

6/12 - 11h
Café Controverso: Animação experimental no Brasil – debate com Arnaldo Galvão (SP)
Local: cafeteria do Espaço do Conhecimento
Entrada: franca

Múmia na Fachada - 4 a 18 de dezembro 
Seleção de curtas da Mostra Udigrudi Mundial de Animação na fachada digital do Espaço do Conhecimento UFMG

4/12 - 19h30
Cycle- Direção: Raquel Sancinetti (Canadá)
Dji. Death Fails - Direção: Dmitri Voloshin (Moldávia)
Fuga animada - Direção: Augusto Bicalho Roque (Brasil)
My baby don’t love me - Direção: Heta Jäälinoja (Finlândia)
Hora de dormir - Direção: Isabela Diniz (Brasil)
 4/12 - 20h
Dr. J - Direção: Klewerton Bortoli (Brasil)
Headache  - Direção: Raquel Sancinetti (Canadá)
El Terrible El Bubar - Direção: Frank Guillou e Franck Bonnet(França)
Origami - Direção: David Pavon (Espanha)
Passei no ver-o-peso - Direção: Fábio Belotte (Brasil)
 5/12 - 19h30
Quati - Direção: Giovanni Scoz Girardi (Brasil)
Angelinho - Direção: Maryna Shchipak (Alemanha)
Burburinho - Direção: Tamires Muniz Ribeiro (Brasil)
Oxalá e a criação do mundo - Direção: Denis Leroy (Brasil)
The Good, the Bad, the Ugly   Direção: Clara Aparicio Yoldi (Inglaterra)
  
 6/12 - 19h30
Where do the wild butterflies grow?  - Direção: Vladka Macurová (República Tcheca)
Tfarim- Direção: Reut Bortz (Israel)
Vida - Direção: Levi Magalhães (Brasil)
Splat! - Direção: Alicja Blaszczynska (Polônia)
Desprendimento - Direção: Lu Najar (Brasil)
7/12 - 19h30
The mole at the sea - Direção: Anna Kadykova (Rússia)
Goodbye Mister de Vries - Direção: Mascha Halberstad (Holanda)
A fila - Direção: Almir Correia (Brasil)
Fallobst - Direção: Julia Urban e Viktor Stickel (Alemanha)
Sistema digestório- Direção: Simon Pedro Brethé (Brasil)
11/12 - 19h30
Learning to fish- Direção: Teemu Auersalo (Irlanda)
Nanonada: um conto de fadas em RGB e Alpha - Direção: Rodrigo Seles (Brasil)
Little brother winter - Direção: Charlotte Waltert (Alemanha)
Dream catchers - Direção: Gabriel Freire (Brasil)
Por aqui passou um rato - Direção: Maurício Gino (Brasil)
 11 /12 - 20h
Cycle- Direção: Raquel Sancinetti (Canadá)
Dji. Death Fails - Direção: Dmitri Voloshin (Moldávia)
Fuga animada - Direção: Augusto Bicalho (Brasil)
My baby don’t love me - Direção: Heta Jäälinoja (Finlândia)
Hora de dormir - Direção: Isabela Diniz (Brasil)

 12/12 -19h30
Dr. J - Direção: Klewerton Bortoli (Brasil)
Headache - Direção: Raquel Sancinetti (Canadá)
El Terrible El Bubar - Direção: Frank Guillou e Franck Bonnet(França)
Origami - Direção: David Pavon (Espanha)
Passei no ver-o-peso - Direção: Fábio Belotte (Brasil)
13/12 - 19h30
Quati - Direção: Giovanni Scoz Girardi (Brasil)
Angelinho - Direção: Maryna Shchipak (Alemanha)
Burburinho - Direção: Tamires Muniz Ribeiro (Brasil)
Oxalá e a criação do mundo - Direção: Denis Leroy (Brasil)
The Good, the Bad, the Ugly - Direção: Clara Aparicio Yoldi (Inglaterra)
14/12 - 19h30
Where do the wild butterflies grow? - Direção: Vladka Macurová (República Tcheca)
Tfarim- Direção: Reut Bortz (Israel)
Vida - Direção: Levi Magalhães (Brasil)
Splat! - Direção: Alicja Blaszczynska (Polônia)
Desprendimento - Direção: Lu Najar (Brasil)
18/12 - 19h30
The mole at the sea - Direção: Anna Kadykova (Rússia)
Goodbye Mister de Vries - Direção: Mascha Halberstad (Holanda)
A fila - Direção: Almir Correia (Brasil)
Fallobst - Direção: Julia Urban e Viktor Stickel (Alemanha)
Sistema digestório- Direção: Simon Pedro Brethé (Brasil)

18/12 - 20h
Learning to fish- Direção: Teemu Auersalo (Irlanda)
Nanonada: um conto de fadas em RGB e Alpha - Direção: Rodrigo Seles (Brasil)
Little brother winter - Direção: Charlotte Waltert (Alemanha)
Dream catchers- Direção: Gabriel Freire (Brasil)
Por aqui passou um rato - Direção: Maurício Gino (Brasil)

Fachada Digital
A fachada externa do Espaço do Conhecimento UFMG é revestida por um material vítreo especial, que transforma o edifício numa grande tela de projeção. Todas as noites, imagens que unem arte, ciência e experimentação são exibidas na fachada, numa interface entre o Espaço e a Praça da Liberdade. Estes painéis digitais atraem os olhares de milhares de pedestres e motoristas que passam pela região todos os dias, levando à rua e à cidade a experiência do conhecimento proposta pelo Espaço.

Espaço do Conhecimento UFMG estimula a construção de um olhar crítico acerca da produção de saberes através da utilização de recursos museais. Sua programação diversificada inclui exposições, cursos, oficinas e debates. Integrante do Circuito Cultural Praça da Liberdade, o Espaço do Conhecimento é fruto da parceria entre a operadora TIM, a UFMG e o Governo de Minas. O Espaço conta com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais – FAPEMIG, Rede de Museus e Espaços de Ciências e Cultura da UFMG e da DAC – Diretoria de Ação Cultural da UFMG.

Serviço:
MUMIA - Mostra Udigrudi Mundial de Animação no Espaço do Conhecimento UFMG
Período: 4 a 18 de dezembro
Local: Espaço do Conhecimento UFMG - Praça da Liberdade, 700
Mais informaçõeswww.espacodoconhecimento.org.br
Informações para a Imprensa: (31) 3409-8366

Arq.Futuro e Bienal: Cidades Performáticas - dia 5 de dezembro, no Auditório da Fundação Bienal



Presidente da Pixar apresenta projetos do estúdio na CCXP – Comic Con Experience

Description: Description: Macintosh HD:Users:ivancosta:Downloads:CCXP_5.png                 

Jim Morris mostrará conteúdos exclusivos das novas produções do estúdio: Divertida Mente e de LAVA
A Disney anuncia que Jim Morris, presidente da Pixar, virá ao Brasil para a CCXP - Comic Con Experience. Morris chega ao país para apresentar conteúdos exclusivos de dois novos filmes da celebrada Disney/Pixar: o longa-metragem Divertida Mente (Inside Out) e o curta-metragem LAVA. Em sua apresentação, também falará sobre a filosofia criativa da empresa, além de outras surpresas. A apresentação na CCXP acontece sábado (6/12) às 16h30 no auditório Thunder, com capacidade para 2.000 pessoas (lotação por ordem de chegada).
JIM MORRIS foi produtor do filme vencedor do Oscar Wall-E, pelo qual também recebeu o prêmio de Produtor do Ano de Filme de Animação lançado nos cinemas, concedido pelo Producer’s Guild of America. Atuou também como vice-presidente de produção do estúdio, além de ter dirigido as consagradas empresas de finalização e efeitos Skywalker Sound e Industrial Light and Magic, período no qual o estúdio recebeu o Oscar de efeitos especiais por filmes como Jurassic Park,” “A Morte lhe Cai Bem” e “Forrest Gump.” Outros projetos notáveis realizados durante sua gestão foram “Missão: Impossível,” “Twister,” “O Resgate do Soldado Ryan,” “Star Wars: Episódios I e II,” “Mar em Fúria,” “Pearl Harbor,” “Minority Report,” “Piratas do Caribe” e três filmes da série “Harry Potter” films.

Sobre a CCXP – Comic Con Experience
A primeira edição da CCXP - Comic Con Experience ocorre de 4 a 7 de dezembro, no Imigrantes Exhibition & Convention Center. Trata-se do primeiro evento no Brasil nos moldes das comic cons realizadas em diversas partes do mundo, que reúnem fãs e profissionais de quadrinhos, cinema, TV, games, anime, RPG, memorabília e colecionáveis para conhecerem as últimas novidades dessas áreas em uma grande celebração do universo geek e da cultura pop. O segundo lote de ingressos já está à venda no site www.ccxp.com.br, no qual também é possível acompanhar os próximos anúncios de atrações e de artistas convidados do evento. O evento é uma realização do site Omelete e da Chiaroscuro Studios.
CCXP - Comic Con Experience
Data: 04 a 07 de dezembro de 2014
Local: São Paulo Expo Exhibition & Convention Center (antigo Expo Imigrantes) – Rodovia dos Imigrantes, Km 1,5 – São Paulo/SP
Horários:    04/12 (quinta-feira): 12h às 22h
                 05/12 (sexta-feira) e 06/12 (sábado): 10h às 22h
                 07/12 (domingo): 10h às 20h

Sobre Divertida Mente
Data de lançamento:                   02 de julho de 2015
Diretor:                                     Pete Docter
Codiretor:                                  Ronnie del Carmen
Produtor:                                   Jonas Rivera
De uma viagem cheia de aventuras em um balão a uma metrópole cheia de monstros, o diretor ganhador do prêmio da Academia® Pete Docter (Monstros S.A., Up - Altas Aventuras) levou plateias para lugares criativos e únicos. No longa original Divertida Mente (Inside Out) da Disney•Pixar, ele nos levará a um lugar ainda mais extraordinário — dentro da mente. 
Crescer pode ser uma jornada turbulenta, e com Riley não é diferente. Ela é retirada de sua vida no meio-oeste americano quando seu pai arruma um novo emprego em São Francisco. Como todos nós, Riley é guiada pelas emoções – Alegria (Amy Poehler), Medo (Bill Hader), Raiva (Lewis Black), Nojinho (Mindy Kaling) e Tristeza (Phyllis Smith). As emoções vivem no centro de controle dentro da mente de Riley, onde a ajudam com conselhos em sua vida cotidiana. Conforme Riley e suas emoções se esforçam para se adaptar à nova vida em São Francisco, começa uma agitação no centro de controle. Embora Alegria, a principal e mais importante emoção de Riley, tente se manter positiva, as emoções entram em conflito sobre qual a melhor maneira de viver em uma nova cidade, casa e escola.
Observações:
·         Pete Docter é o diretor ganhador do prêmio da Academia® por Up - Altas Aventuras (Up). Ele estreou como diretor no grande sucesso da Disney/Pixar Monstros S.A. (Monsters Inc.), que foi indicado ao prêmio da Academia® de Melhor Longa de Animação. Junto com John Lasseter e Andrew Stanton, Docter desenvolveu a história e os personagens de Toy Story, o primeiro longa-metragem de animação da Pixar, no qual também trabalhou como supervisor de animação. Ele foi artista de storyboard em Vida de Inseto (A Bug’s Life) e escreveu os tratamentos iniciais da história para Toy Story 2. Como um dos principais contribuidores criativos do Estúdio Pixar Animation, Docter foi indicado ao prêmio da Academia® pela história original de WALL-E da Disney•Pixar, ganhador do Globo de Ouro® e o Oscar®.
·         Jonas Rivera produziu o ganhador do Oscar® Up - Altas Aventuras (Up), pelo qual foi indicado na categoria de Melhor Filme. Antes de Up - Altas Aventuras (Up), ele trabalhou em quase todos os filmes da Pixar desde que entrou para o Estúdio Pixar Animation em 1994, começando com Toy Story no qual foi assistente de produção. Seus créditos subsequentes incluem Vida de Inseto (A Bug’s Life), como coordenador do departamento de arte, Toy Story 2, como coordenador de marketing e recursos criativos, Monstros S.A. (Monsters, Inc.) como gerente do departamento de arte, e o vencedor do Globo de Ouro® Carros (Cars), como gerente de produção.

Sobre o Omelete:
Fundado em 2000, o Omelete é a principal marca Geek do Brasil com o maior portal de cultura pop do país abrangendo temas do cinema, TV, games, quadrinhos, músicas, entre outros assuntos. O ambiente de engajamento online do Omelete atrai uma média de 4 milhões de visitantes únicos ao mês, o que geram cerca de 30 milhões de page views (Ibope), e possui mais de 1,4 milhões de seguidores no Facebook, com engajamento semanal acima de 40%. Além disso, a empresa conta com o canal youtube.com/omeleteve, que traz webséries, videocasts, traillers comentados, e diversas outras atrações, gerando mais de 4,2 milhões de views mensais. Para conhecer mais sobre esse universo, acesse: www.omelete.com.br

Sobre a Chiaroscuro Studios
Uma das principais empresas do mundo na área de agenciamento de talentos para os mercados de quadrinhos e de ilustração, que representa vários dos principais artistas brasileiros e estrangeiros que trabalham para clientes como Marvel Comics / Disney e DC Entertainment / Warner Bros, entre outras editoras. Atua também na venda de arte original desses mesmos artistas e na organização de eventos de quadrinhos e de cultura pop. www.chiaroscuro-studios.com

Espaço do Conhecimento UFMG e MM Gerdau apresentam: "O céu do Imperador”"

Exibindo emkt ceu do imperador - reduzido-01.jpg

"Save the date": debate pós-Lima sobre o regime climático

Entrega do Prêmio aos vencedores do Concurso Cultural de Monográfias Jurídicas para Juristas

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

MONIQUE DEHEINZELIN DISCUTE TÉCNICAS DE PINTURA NO MM GERDAU



Artista e educadora, a convidada da atração ‘Matéria-prima’ ministra oficina de artes plásticas, com
análise da expressão das cores em obras de grandes pintores. Quinta-feira, 27 de novembro, às 19h30

Para a programação cultural Toda Quinta e Muito Mais... de novembro, o MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal, no Circuito Cultural Praça da Liberdade, promove na quinta-feira, 27 de novembro de 2014, às 19h30, nova edição do Matéria-prima, desta vez com a artista e educadora Monique Deheinzelin, que promove oficina “Cor e ritmo originam formas”, com destaque para as artes plásticas e técnicas de pintura. As atividades continuam na sexta e no sábado, 28 e 29 de novembro, às 15h. As inscrições, gratuitas, são feitas pelo e-mail oficina@mmgerdau.org.br.

A oficina consiste num passeio pelas artes plásticas, com ênfase na pintura. Monique mostrará as diferentes formas de expressão das cores no trabalho de alguns artistas, revelando a diferença entre os ritmos e gestos impressos por cada um na construção das imagens. A análise de obras do britânico David Hockney, do estadunidense James Turrell, do holandês Hembrandt, do italiano Alfredo Volpi e dos brasileiros Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho, Alberto da Veiga Guignard e Cildo Meirelles será o foco da oficina.

Paralelamente, serão apresentadas pinturas de crianças – que integram o acervo da oficineira e foram utilizadas em sua tese de doutorado – e os processos de construção e manifestação da cor. A estética e o movimento das pinturas rupestres nas cavernas de Lascaux e Chauvet, na França, também serão analisadas durante a atividade.

Monique Deheinzelin
Educadora, pintora e escritora. Doutora em Psicologia e Educação pela Universidade de São Paulo (USP), publicou os livros A fome com a vontade de comer, uma proposta curricular de educação infantil (Vozes, 1994), Construtivismo, a poética das transformações (Ática, 1996), Trilha, educação e construtivismo (Vozes, 1996) e Conhecimento de si, conhecimento do mundo – fundamento e prática na educação infantil (no prelo, 2014), além de artigos em jornais e revistas.

Matéria-prima
A atração Matéria-prima consiste em encontros de curta duração no MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal, com abordagens teóricas e práticas sobre diferentes temas. As inscrições, gratuitas e com vagas limitadas, são feitas pelo e-mail oficina@mmgerdau.org.br.

A programação cultural Toda Quinta e Muito Mais... é realizada por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura (Rouanet), do Ministério da Cultura, com o patrocínio da Gerdau.


SERVIÇO

Matéria-prima – “Cor e ritmo originam formas”, com Monique Deheinzelin

  • Datas: 27 (quinta-feira, das 19h30 às 21h30), 28 (sexta-feira, das 15h às 17h30) e 29 (sábado, das 15h às 17h30) de novembro de 2014
  • Local: MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal
  • Inscrições gratuitas: oficina@mmgerdau.org.br


MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal
Com 18 salas e 44 atrações, o MM Gerdau abriga um importante acervo sobre mineração e metalurgia. Usa recursos tecnológicos para destacar, de forma lúdica e interativa, a importância dos metais e minerais no cotidiano das pessoas. Além disso, marca a relação entre a história e as expressões culturais de Minas Gerais com a riqueza de seus recursos naturais. O Museu foi aberto ao público em 22 de junho de 2010 e desde 1º de dezembro de 2013 está sob a gestão da Gerdau, líder no segmento de aços longos das Américas e uma das principais fornecedoras de aços especiais no mundo. O MM Gerdau integra o Circuito Cultural Praça da Liberdade e ocupa o antigo edifício da Secretaria de Estado da Educação, inaugurado em 1897 e tombado pelo Iepha/MG. O projeto de ampliação e adequação do prédio é do arquiteto Paulo Mendes da Rocha. A museografia é assinada por Marcello Dantas. O MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal tem o certificado de excelência do TripAdvisor e foi a primeira instituição museológica do Brasil a receber a certificação do Instituto Herity em gestão da qualidade do patrimônio cultural.

Endereço: Praça da Liberdade S/N, Prédio Rosa - Funcionários
Telefone: (31) 3516-7200
Funcionamento: Terça a domingo, das 12h às 18h (quinta, das 12h às 22h)
Entrada franca

CONVERSAS SOBRE UM JEITO NARRATIVO DE INFORMAR


Em “No meio da notícia tinha uma pedra”, livro de entrevistas que será lançado no próximo dia 1º de dezembro pela Editora Letramento, jornalistas e autores refletem sobre narrativas, literatura e o escrever jornalístico 

Na segunda-feira, dia 1º de dezembro, às 19 horas, a Livraria Quixote recebe o lançamento de No meio da notícia tinha uma pedra, livro de entrevistas realizadas pelo jornalista Ennio Rodrigues. Na obra, lançada pela Editora Letramento, premiados jornalistas e autores brasileiros são convidados para uma conversa sobre formas de escrever que buscam na literatura a inspiração para narrar histórias e fatos cotidianos. O livro poderá ser adquirido através do site Editora Letramento (http://www.editoraletramento.com.br/)  e em livrarias selecionadas de Belo Horizonte e São Paulo.

Na contramão da objetividade fria dos fatos, muitos jornalistas têm buscado um jeito narrativo de informar. “Acredito que a história dos personagens é o que realmente sustenta as matérias. Meu objetivo foi encontrar profissionais que trabalhassem valorizando essas histórias sem deixar de ter um compromisso profundo com a ética jornalística. Conversando com esses jornalistas deu para entender a importância de cada detalhe nos textos que eles escrevem. Esse olhar mais atento para a realidade e mais cuidadoso na escrita das notícias, de certa forma, é um jeito de mostrar como o jornalismo ainda é extremamente relevante em nossa sociedade”, conta o autor do livro de entrevistas.

Desdobramento de pesquisa realizada para obtenção do título em Jornalismo pela Universidade Federal de Minas Gerais, ao todo, nove jornalistas, com diferentes experiências e estilos narrativos, foram ouvidos por Rodrigues: Armando Antenore, ex-editor da revista Bravo! e repórter especial da editora Abril; Bernardo Biagioni, que já foi repórter da revista Ragga, colunista do RaggaDrops e atualmente é produtor da galeria Quartoarmado; Humberto Werneck, cronista do jornal O Estado de S. Paulo; Lucas Figueiredo, autor de livros como Ministério do Silêncio e O Operador; Natalia Viana, editora e uma das criadoras da Agência Pública de Jornalismo Investigativo; Pedro Alexandre Sanches, editor do portal Farofafa e com passagem pelo jornal Folha de S. Paulo e pela revista Carta Capital; Sabrina Abreu, autora de livros como Meu Israel e A Voz do Alemão; Sergio Vilas Boas, um dos fundadores da Academia Brasileira de Jornalismo Literário; e Vanessa Barbara, colunista do The New York Times International Daily e cronista do jornal O Estado de S. Paulo.

Durante  as conversas, os jornalistas debatem sobre a imprensa brasileira, dão dicas pessoais de leitura, contam casos inusitados de suas carreiras e falam sobre seus processos criativos. O livro também reúne trechos de textos publicados pelos próprios jornalistas em veículos como a revista piauí, Carta Capital e nos livros “O Operador”, de Lucas Figueiredo e “Meu Israel”, de Sabrina Abreu. Cada entrevistado escolheu um excerto para representar seu próprio estilo de escrita.

Sem a pretensão de apresentar um “panorama do jornalismo literário no país”, o livro busca levantar ideias e discussões sobre a imprensa e a sua matéria-prima: as histórias por trás de cada manchete.

Sobre o autor
Ennio Rodrigues é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Minas Gerais. Atualmente trabalha como jornalista freelancer e tem textos publicados em veículos como Revista Fato Relevante, jornal O Tempo, no portal da Revista Superinteressante.  

SERVIÇO
Lançamento do livro “No meio da notícia tinha uma pedra: conversas sobre um jeito narrativo de informar”, de Ennio Rodrigues
Segunda-feira, 1º de dezembro, às 19h
Livraria Quixote [Rua Fernandes Tourinho, 274 - Savassi, Belo Horizonte]

À venda para todo o Brasil através do site da Editora Letramento e em livrarias selecionadas de Belo Horizonte e São Paulo.

112 páginas / R$ 32 (preço de capa)

Mais informações:

Encontro abordará atuação do Ministério Público na Saúde



O aumento da demanda judicial para fornecimento de bens e procedimentos relacionados à saúde torna fundamental a busca de ferramentas teóricas e operacionais que contribuam para a superação de dificuldades no setor Saúde e na Justiça, com vistas à efetivação do direito à saúde. Para debater a questão, a ENSP promove, no dia 27 de novembro, a mesa redonda Direito à Saúde e o Sistema Único de Saúde - olhares diferentes. A atividade, aberta a todos os interessados, está marcada para 13h30, no salão internacional e reunirá diversos especialistas.

Ao todo, o tema será explorado pelo procurador de Justiça Marco Antônio Teixeira, pelo secretário de Gestão Estratégica e Participativa do Ministério da Saúde, André Luis Bonifácio de Carvalho, pela assessora jurídica do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), Alethele dos Santos, e por um representante do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems). A atividade, que tem como tema central Colaboração para o aperfeiçoamento da atuação dos membros do Ministério Público na Saúde, tem como coordenador o pesquisador da ENSP Antônio Ivo de Carvalho.